Modelos e Protótipos

Conhecimentos de Base Recomendados

Não aplicável.

Métodos de Ensino

19.1 A opção metodológica conducente ao cumprimento do programa da unidade curricular centrar-se-á numa componente pedagógica fundamental:
– Componente teórico-prática – estudo e apresentação de obras/produções e seus autores.
A unidade curricular poderá ser realizada nas modalidade de frequência ou de exame.
A avaliação por frequência implica a realização de 3 trabalhos teórico-práticos que terão os seguintes pesos: 1.o trabalho – 30%; 2.o trabalho – 30%; 3.o trabalho – 40%.
O exame terá uma componente teórica, com um peso de 30%, e uma componente prática, com um peso de 70%.

Resultados de Aprendizagem

16.1. Compreender o significado e importância do modelo na representação tridimensional de uma ideia;
16.2. Conhecer e conceber tipos de maquetes que facilitem a leitura e a compreensão do objeto projetado;
16.3. Apropriação de técnicas e metodologias necessárias à representação tridimensional;
16.4. Estabelecer relações espaciais, volumétricas, tácteis, cromáticas e outras, prévias ao desenvolvimento e/ou à conclusão do projeto;
16.5. Recorrer a materiais e equipamentos adequados à realização de modelos e protótipos.

Programa

17.1 Modelos e protótipos
17.1.1 Conceito de modelo
17.1.2 Conceito de protótipo
17.1.3 Representação/interpretação física do objeto
17.1.4 Representação/interpretação virtual do objeto
17.1.5 Função do modelo e do protótipo
17.2 Tipologias de maquetes
17.2.1 Maquetes de estruturas e formas abstratas
17.2.2 Maquetes de produtos
17.2.3 Maquetes de espaços
17.2.4 Maquetes de pormenores/detalhes
17.2.5 Maquetes de trabalho e de apresentação
17.3 Metodologias e técnicas
17.3.1 Objeto e escala de representação
17.3.2 Manualidade/Manufatura
17.3.3 Prototipagem electro-mecânica/digital
17.3.4 Modelação virtual (rendering)
17.3.5 Regras de higiene e segurança
17.4 Materiais e acabamentos
17.4.1 Pape?is e cartões
17.4.2 Madeiras e cortiças
17.4.3 Metais e vidros
17.4.4 Pastas, resinas e poliestireno
17.4.5 Adesivos e tintas
17.5 Ferramentas
17.5.1 Medição e traçagem
17.5.2 Corte, desbaste, furação e encaixe
17.5.3 Colagem, soldadura, pintura e acabamento

Docente(s) responsável(eis)

Métodos de Avaliação

Avaliação Contínua
  • - Exercício prático 3 - 40.0%
  • - Exercício prático 1 - 30.0%
  • - Exercício prático 2 - 30.0%
Avaliação por Exame
  • - Componente teórica - 30.0%
  • - Componente prática - 70.0%

Estágio(s)

NAO

Bibliografia

Hallgrimsson. B. (2012). Prototyping And Modelmaking For Product Design. London: Laurence King Publishing

Karssen, A. & Otte, B. (2014). Model Making – conceive, create and convince. Amsterdam: Frame Publishers.

D’Ayot, C. D & Benton, T. (2013).Le Corbusier’s Pavilion for Zurich: Model and Prototype of an Ideal Exhibition Space Zu?rich:Lars Mu?ller.

Wall. M. B. (2015) Evaluating Prototyping Technologies, For Product Design. London: Forgotten Books

Mills, C. B. (2005). Designing with Models: A Studio Guide to Making and Using

Hallgrimsson. B. (2013). Disen?o De Producto: Maquetas Y Prototipos. Barcelona:Promopress

Fuad-Luke, A. (2002). Manual de diseño ecológico. Palma de Maiorca: Editorial Cartago.

Miodow M. (2015) A Vida Secreta dos Materiais. LIsboa: Bizâncio

Knoll, W. Hechinger, M. (2003). Maquetes Arquitetónicas. São Paulo: Martins Fontes.

Lizandra, J. (2005). Maquetas, Modelos e Moldes. Castello? de la Plana: Publicacions de la Universitat de Jaume.