Vencedores do Concurso Regional Poliempreende

02 Julho 2019 | 12:15h

Já são conhecidos os vencedores da edição deste ano do Concurso Regional Poliempreende no Politécnico de Coimbra. Em primeiro lugar ficou o Projeto Icanemusic (equipa ESTeSC/ISEC), que desenvolveu uma bengala eletrónica destinada a pessoas com doença de Parkinson para auxiliar a marcha. O segundo prémio foi para o projeto FisioVet (equipa ESTeSC/ISEC), que pretende desenvolver e comercializar produtos de ajuda técnica para animais. O pódio ficou completo com o projeto CriptoPlant (equipa ESAC), no âmbito da fileira florestal, com prestação de serviços diferenciadores e venda da planta Paulownia Tomentosa.
Segundo a coordenadora do Poliempreende no Politécnico de Coimbra, Sara Proença, esta edição contou com 27 ideias de negócio a concurso, apresentadas por equipas oriundas das diferentes unidades orgânicas do IPC, e resultou em 12 projetos finalistas.
O concurso regional realizou-se no passado dia 26 de junho, no INOPOL - Academia de Empreendedorismo do Politécnico de Coimbra, perante um júri constituído por representantes dos parceiros do ecossistema empreendedor da região (ANJE, CEC, IAPMEI, IPN) e presidido por Sara Proença.
Há 16 anos que a rede Poliempreende, formada por 21 instituições politécnicas, promove o desenvolvimento de competências empreendedoras, através de uma metodologia de ensino diferenciadora e adaptável às especificidades de cada parceiro.
Segundo a docente do IPC, o objetivo é “fomentar uma cultura empreendedora, motivando o desenvolvimento da criatividade e ideias inovadoras, valorizando o
conhecimento gerado junto de todos os que participam no concurso de ideias e planos de negócios”.
O projeto classificado em 1º lugar vai concorrer a nível nacional com os vencedores apurados nos restantes parceiros. O Concurso Nacional Poliempreende realiza-se na Semana do Empreendedorismo, que terá lugar de 9 a 13 de setembro, no Politécnico de Tomar.