Campanha contra o desperdício alimentar

13 Setembro 2019 | 18:15h

O Politécnico de Coimbra lança a campanha “Alimente-se a si! Não alimente o desperdício!” neste início de ano letivo, através dos Serviços de Ação Social e do Serviço de Saúde Ocupacional e Ambiental.

A redução do desperdício alimentar e a prevenção de resíduos são os principais objetivos, apelando a toda a comunidade do Politécnico de Coimbra que usa as cantinas e cafetarias, que coloque no prato apenas o que vai ser necessário para a sua refeição.

O desperdício alimentar é, atualmente, um dos principais problemas a nível económico, ambiental e social. Traduz-se nas perdas que ocorrem em qualquer uma das fases da cadeia alimentar, desde a produção ao consumo, e que implicam que os alimentos não cumpram o propósito para o qual foram produzidos, isto é, que não sejam consumidos.

Todos os anos, os portugueses colocam no lixo um milhão de toneladas de alimentos, ou seja, cada um desperdiça, em média, 132 quilos de comida por ano e, só as famílias, desperdiçam 324 mil toneladas. Além disso, 17% da comida é “deitada fora” ainda antes de chegar aos consumidores.

A necessidade urgente de promover comportamentos mais amigos do ambiente em prol de uma melhor saúde ambiental e, naturalmente, de uma melhor qualidade de vida, faz com que o Desenvolvimento Sustentável seja uma prioridade do Politécnico de Coimbra (IPC), tendo lançado, em outubro de 2018, o projeto “Politécnico de Coimbra +Sustentável com o objetivo de implementar ações em todo o IPC para que a Instituição seja ambientalmente mais sustentável.

Juntos construímos um Politécnico de Coimbra + Sustentável!