Técnico Superior Profissional em Defesa da Floresta

ESAC - Escola Superior Agrária de Coimbra
Regime de Estudo: 
Diurno
Nº ECTS: 
120.00
Código DGES: 
T292
Data de Registo na DGES: 
04 Setembro 2015

APRESENTAÇÃO
Conceber e realizar o planeamento operacional e executar ações concretas no domínio da Defesa da Floresta, relacionadas com a prevenção, o combate e a mitigação de danos causados nos ecossistemas florestais e afins, por agentes bióticos e abióticos.
 
SAÍDAS PROFISSIONAIS
As saídas profissionais são aquelas que estão relacionadas com a área da prevenção e do combate a incêndios florestais. Especificamente podem ser referidas as seguintes possibilidades:
• Empresário florestal de prestação de serviços em Silvicultura Preventiva e Controlo de plantas invasoras, aplicação e organização de atividades em fogo controlado;
• Brigadas do Serviço de Protecção da Natureza e Ambiente (SEPNA) ao serviço da GNR;
• Brigadas da AFOCELCA (Agrupamento Complementar de Empresas para Protecção Contra Incêndios) ao serviço das empresas de produção de pasta para papel;
• Serviços, corporações e brigadas de Combate a Incêndios da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC);
• Vigilantes e Guardas da Natureza sob a dependência do ICNF (Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas);
• Empresas que atuam na área da execução de operações de fogo técnico, gestão florestal, gestão de espaços verdes, e das operações de exploração florestal.
 
OBJETIVOS
• Conceber, gerir e executar operações de silvicultura para a prevenção de agentes bióticos e abióticos;
• Coordenar e executar ações de fogo técnico, ao abrigo do Despacho n.º7511/2014;
• Conceber, gerir e executar operações de manutenção de inf ra – estruturas de Defesa da Floresta Contra Incêndios (DFCI);
• Gestão dos diferentes instrumentos de comunicação que normalmente estão associados à deteção e ao alerta de novos focos de incêndio;
• Gestão das fontes de informação cartográficas/geográficas integrando os dados dos levantamentos para a produção da respetiva cartografia;
• Coordenar operações de combate a incêndios nas suas diferentes fases incluindo a primeira intervenção, o combate alargado e o rescaldo;
• Gestão da recuperação pós-fogo, incluindo toda a regeneração dos povoamentos florestais;
• Coordenar e identificar os principais agentes causais responsáveis pelos problemas sanitários das espécies florestais em Portugal;
• Conceber, gerir e implementar ações destinadas à prevenção e ao combate a pragas e doenças florestais.

Plano do Curso

Ano Curricular: 1

Ano Curricular: 1
Unidade Curricular Código Nº ECTS Período
Ecologia 2141103 6.00 S1
Geografia e Levantamentos 2141101 6.00 S1
Máquinas e Infraestruturas de Defesa da Floresta Contra Incêndios 2141105 3.00 S1
Silvicultura e Operações Florestais 2141102 6.00 S1
Sistemas de Informação Geográfica 2141104 6.00 S1
Técnicas de Comunicação 2188110 3.00 S1
Botânica e Dendrologia 2141202 6.00 S2
Inventário dos Recursos Naturais 2141203 6.00 S2
Produtos Fitofarmacêuticos 2141201 6.00 S2
Recursos Faunísticos 2141205 3.00 S2
Sanidade Florestal 2141204 6.00 S2
Solos Florestais 2141206 3.00 S2

Ano Curricular: 2

Ano Curricular: 2
Unidade Curricular Código Nº ECTS Período
Análise de Incêndios e Fogo de Supressão 2142103 6.00 S1
Combate a Incêndios 2142105 3.00 S1
Fogo Controlado 2142102 6.00 S1
Propagação do Fogo 2142106 3.00 S1
Silvicultura Preventiva 2142104 6.00 S1
Uso, Manutenção e Segurança de Ferramentas 2142101 6.00 S1
Estágio 2142201 30.00 S2