Laboratório de Movimento e Dança

Conhecimentos de Base Recomendados

N/A

Métodos de Ensino

Os conteúdos serão abordados em combinações de nível crescente de complexidade e tratados de forma a estabelecer interligações entre o conhecimento teórico (exposição e diálogo), a experimentação prática, a observação/análise e a recriação.

 

Esta unidade curricular eminentemente prática terá a modalidade de avaliação exclusivamente contínua [100% = 20 valores] considerando os itens:

1)Trabalho laboratorial – conceção de exercícios de movimento/dança (30% )

2) Provas práticas – desempenho corporal/expressivo (60%)

3) Participação presencial (10%)

Ao abrigo do ponto 8 do 13ºartigo do Regulamento Académico do 1ºCiclo de Estudos da Esec, o estudante deverá cumprir as seguintes condições específicas de acesso ao exame de recurso: ter frequentado 60% das aulas e uma classificação de 40% no item 1) e 50% no item 2).

O exame constará de uma prova teórica (50%) e outra prática (50%).

Resultados de Aprendizagem

1. Compreender a importância da dança como fenómeno sociocultural do homem.

2. Adquirir uma consciencialização corporal  através da vivência e análise de múltiplas situações práticas.

3. Conhecer as características dos elementos de movimento e de danças.

4. Saber orientar atividades de movimento e dança, adequadas às necessidades dos destinatários, desenvolvendo a capacidade criativa através da recriação de movimentos e de formas coreográficas.

5. Conhecer a terminologia referente aos conteúdos da disciplina.

Programa

1. Enquadramento das actividades de movimento e dança no âmbito da gerontologia:

1.1. Introdução ao estudo da dança: perspetiva antropológica, dimensões e formas de dança.

2. Elementos de movimento:

2.1. Corpo (partes do corpo, ações do corpo – locomotoras e não locomotoras -, formas e qualidades de movimento).

2.2. Espaço (próprio/geral – trajetórias, direções, níveis, planos e volumes).

2.3. Relação (eu/eu, eu/outro, eu/pequeno grupo, eu/grande grupo e eu/objetos).

2.4. Frases e composição de movimentos (no âmbito da gerontologia).

3. Danças:

3.1. Tradicionais portuguesas.

3.2. Tradicionais de outros países.

3.3. Recriação de danças (no âmbito da gerontologia).

Docente(s) responsável(eis)

Métodos de Avaliação

Avaliação Contínua
  • - Componente Prática - 60.0%
  • - Assiduidade e Participação - 10.0%
  • - Trabalho laboratorial ou de campo - 30.0%

Estágio(s)

NAO

Bibliografia

Batalha, A. (2006). Dance in the community: dance for everybody: active lifestyles. In Active lifestyles: the impact of education and sport-Proceedins. (CD-Rom). Edições FMH. p.369-377.

Gilbert, A. (2015). Creative Dance for All Ages. Human Kinetics.

Mendes, P. & Leandro, C. (2019). Práticas educativas interdisciplinares e intergeracionais no Ensino Básico. In M. Pires, C. Mesquita, R. Lopes, E. Silva, G. Santos, R. Patrício. & L., Castanheira (Eds). IV Encontro Internacional de Formação na Docência (INCTE) – Livro de atas. Instituto Politécnico de Bragança- Escola Superior de Educação (p.749-755).

Rodriguez, J. & Frias, J. (2002). Bailes del mundo: una propuesta de bailes populares para Educación Primaria.Paidotribo.

VARREGOSO, I., MACHADO, R. & BARROSO, M. (2016) A Dança como contributo para a qualidade de vida dos idosos institucionalizados e não institucionalizados. In Revista Uilps. Vol. 4, nº2 (p.254-272).