Nutrição e Dietética

Conhecimentos de Base Recomendados

N/A

Métodos de Ensino

Faz-se recurso de métodos expositivos conjugados com a análise de documentos e discussão orientada. Baseados no levantamento de informação, que inclui a avaliação de hábitos alimentares e estado

nutricional, bem como a observação de factos em contextos reais, é solicitada a elaboração de um projeto de intervenção específico para a pessoa idosa e respetiva avaliação, realizado em grupo e a ser apresentado em sala de aula (A).

São incentivadas as pesquisas e análise orientada de documentos que refletem a necessidade de adoção de dietas específicas para pessoas com determinadas patologias, resultando no desenvolvimento de um trabalho escrito individual (B).

No regime de avaliação contínua consideram-se os elementos expostos de acordo com a seguinte ponderação [Classificação=(0,5*A)+(0,5*B)].

Na avaliação por Exame (100%): Prova escrita e/ou oral.

Resultados de Aprendizagem

Reconhecer a importância de uma dieta equilibrada.

Reconhecer os determinantes do estado nutricional na pessoa idosa.

Avaliar o estado nutricional da pessoa idosa.

Compreender as implicações do processo de envelhecimento na nutrição da pessoa idosa.

Identificar necessidades nutricionais específicas na pessoa idosa saudável.

Reconhecer a necessidade de dietas específicas em função de algumas patologias.

Capacitar para a implementação de procedimentos de higiene e segurança alimentar na confeção, armazenamento, conservação e validade dos alimentos.

Programa

Noções básicas de nutrição e dietética.

Grupos de alimentos, seus nutrientes e função que desempenham na manutenção da homeostasia.

Determinantes do estado nutricional na pessoa idosa.

Avaliação nutricional da pessoa idosa.

Nutrição da pessoa idosa em função de algumas patologias.

Higiene e segurança alimentar – confeção, armazenamento, conservação e validade dos alimentos.

Docente(s) responsável(eis)

Métodos de Avaliação

Avaliação Contínua
  • - Projecto - 50.0%
  • - Trabalho Individual e/ou de Grupo - 50.0%
Exame
  • - Exame - 100.0%

Estágio(s)

NAO

Bibliografia

Correia, A.; Filipe, J.; Santos, A. & Graça, P. (2015). Nutrição e Doença de Alzheimer. Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, DGS.

Despacho n.º 11418/2017. (2017). Estratégia Integrada para a Promoção da Alimentação Saudável (EIPAS). Diário da República, 2.ª série — N.º 249

Freitas, V. E., Py, L, Aluizio, F., Cançado, X., & Gorzoni, M. L. (2006). Tratado de Geriatria e Gerontologia (2ª Ed). Editora Guanabara.

INSA, Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (2006). Tabela da composição de alimentos. Editorial do Ministério da Educação.

Médart, J. (2007). Nutrição. Guia prático de Medicina. Climepsi Editores.

Paúl, C., & Ribeiro, O. (2012). Manual de gerontologia. Aspetos biocomportamentais, psicológicos e sociais do envelhecimento. Lidel.

Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável – PNPAS (2021). Direção Geral da Saúde.

Saldanha, H. (2001). Nutrição Clínica Moderna na Saúde e na Doença. Lidel, Edições Técnicas, Lda..