IPC realiza sessão online para estudantes internacionais do Brasil

Pensando especialmente nos estudantes brasileiros que querem continuar o seu percurso académico em Portugal, o Politécnico de Coimbra (IPC) realizou no passado dia 17 de março a Sessão Online “Vem Estudar no Politécnico de Coimbra”.

A iniciativa decorreu via plataforma Zoom e contou com participantes oriundos de vários pontos do Brasil, entre alunos finalistas do ensino secundário e respetivas famílias, responsáveis de escolas e também estudantes que, já tendo tido outro percurso académico e profissional, querem agora vir estudar para Portugal e procuram informações sobre o IPC e como fazê-lo.

A sessão abordou temas como a oferta formativa do IPC, modos de ingresso nos diferentes ciclos de estudos, como realizar a candidatura e, em geral, as vantagens de estudar em Portugal. Foram também apresentadas todas as valências do Politécnico de Coimbra e suas unidades de ensino, procurando assim promover a instituição numa alternativa às habituais feiras de divulgação em que o IPC participa semestralmente e de modo presencial em algumas das cidades mais importantes do Brasil.

A iniciativa integra a estratégia de captação de estudantes internacionais do IPC, numa altura em que, segundo a vice-presidente do IPC, Ana Ferreira, responsável pela área, “é notório que há uma comunidade crescente de estudantes brasileiros já a estudar na instituição e o nosso objetivo é estreitar cada vez mais esses laços e receber mais alunos de todo Brasil. Temos uma equipa dedicada a dar apoio a todo o processo de admissão e o trabalho desenvolvido com os candidatos pretende que a sua integração seja feita também com todo o suporte necessário à sua chegada ao IPC”.

A primeira fase de candidaturas para admissão de estudantes internacionais em Licenciaturas no ano letivo de 2021/22 está a decorrer até 13 de abril (ver caixa) e os interessados podem consultar todas as informações sobre o concurso em https://www.ipc.pt/ipc/internacional/estudante-internacional/.

 

 

 

In Jornal do IPC n.º 13