Política Ambiental

Ambiente, um fator chave.

O Politécnico de Coimbra (IPC) entende a sustentabilidade ambiental como um fator chave para a promoção de uma melhor qualidade de vida da população.
Enquanto Instituição de Ensino e Investigação, assume ter um papel fundamental e uma responsabilidade acrescida na construção de um planeta cada vez mais ambientalmente sustentável.

É responsável por formar indivíduos que serão futuros decisores, profissionais e líderes de opinião, e por capacitá-los no sentido de, no âmbito das suas atividades, agirem em prol de um desenvolvimento mais ecológico. Ambiciona, por isso, ser um exemplo, um modelo de sustentabilidade ambiental, assumindo, assim, a implementação e transmissão de boas práticas a toda a comunidade académica e envolvente como uma prioridade clara.

Neste sentido, o Politécnico de Coimbra assume os seguintes compromissos:

Preservar a Vida Humana, do Ambiente e do seu Património;

Promover uma cultura de proteção do ambiente e de desenvolvimento sustentável, através da prevenção da poluição, da redução da produção de resíduos e do encaminhamento adequado daqueles que não possam ser evitados, da conservação da natureza e da utilização sustentável de recursos;

Promover uma economia circular;

Cumprir todos os requisitos legais aplicáveis, bem como os das demais obrigações resultantes do diálogo com as partes interessadas, no que diz respeito ao ambiente;

Promover a articulação da prestação do Serviço de Saúde Ocupacional e Ambiental com o ensino e a investigação;

Promover a melhoria contínua do desempenho ambiental daquelas que são as atividades da Instituição;

Envolver toda a comunidade do Politécnico de Coimbra na responsabilidade de melhorar, de forma contínua, o seu desempenho ambiental, bem como na disseminação de boas práticas para além do espaço IPC.